Close

16 de maio de 2017

Juatuba: Destaque na Educação

GRUPOS DE ESTUDO FAZEM DE JUATUBA UM MUNICÍPIO DESTAQUE NA EDUCAÇÃO

Bons exemplos devem ser divulgados e copiados, principalmente se a área é a da educação. Juatuba (RMBH) é um dos municípios que mais se destacam quando o assunto é excelência em educação, com números do IDEB de 2015 (o mais recente) positivos, acima de médias nacionais e estaduais, e quando a comparação é do IDEB 2015 entre os municípios, Juatuba tem média acima de Belo Horizonte, Contagem e Betim, as maiores cidades de Minas Gerais. E esse desempenho não é por acaso. A Secretaria Municipal de Educação de Juatuba investe nos grupos de estudo, uma forma criativa e eficiente de se cumprir a Lei nº 11.738\2008, que visa 1\3 da carga horária semanal dos professores para estudo e capacitação.

O secretário de Educação de Juatuba, Islander Saliba, diz que há uma preocupação constante de acompanhar de perto as escolas municipais. O objetivo, segundo ele, é elevar cada vez mais os níveis de excelência em educação no município: “A Secretaria de Educação, preocupada com não só cumprir a lei, mas, também, fazê-la de forma eficiente, produtiva e voltada para a melhoria da qualidade dos nossos professores e das aulas ministradas aos nossos alunos, promove semanalmente grupos de estudos, dentro da carga horária do professor, com duração de 4h20min, em todas as áreas de estudos e anos. O grupo é coordenado por um coordenador pedagógico (eleito por seus pares ou pela gerência de ciclo infantil e 1º ao 5º ano) específico para a função de planejar ações junto com os outros professores e também acompanhar, nas escolas, as intervenções e ações planejadas em conjunto. Temos também a preocupação constante de balizar o processo de avaliações trimestralmente e compará-las com as avaliações externas, a fim de detectar as habilidades e competências ainda não consolidadas”, explica o secretário. Os grupos de estudo são formados por professores desde a alfabetização até os do 9º ano e os resultados obtidos são destacados pelo secretário: “Esta ação foi de fundamental importância para a melhoria da qualidade do ensino aprendizado de nosso município, pois permitiu capacitação de 100% dos professores alfabetizadores no Programa Nacional de Alfabetização na idade Certa (PNAIC), programa do governo federal em parceria com o município. Além disso, melhorar significativamente a qualidade do ensino aprendizado dos ciclos de alfabetização e básico (Programa de Avaliação da Alfabetização – Proalfa; Programa de Avaliação da Rede Pública de Educação Básica – Proeb; e do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB)”, comemora Islander.

E esses grupos, juntamente com um trabalho de valorização dos servidores da Educação, incluindo melhoria da infraestrutura das escolas municipais, fizeram com que Juatuba hoje esteja sempre nos primeiros lugares nas avaliações censitárias e conseguindo aprovar um número significativamente importante de alunos em cursos técnicos de Ensino Médio (9º ano), principalmente Central de Ensino e Desenvolvimento Agrário de Florestal (CEDAF): Hoje a rede municipal de ensino tem 93 alunos cursando cursos técnicos de Ensino Médio, enquanto em 2015 eram 57 alunos. Os alunos, hoje, recebem da prefeitura municipal 50% do valor da passagem do transporte coletivo. “Esta proposta, em Juatuba, está dando tão certo que representantes de outros municípios vêm aqui para saber como funcionam nossos grupos de estudo”, conclui o secretário Islander. Hoje existem 15 grupos de estudos, que reúnem 285 professores. Durante os encontros são realizadas atividades de formação continuada, além de planejamento de aulas, diagnóstico e acompanhamento do rendimento escolar dos alunos e o planejamento das intervenções pedagógicas a serem desenvolvidas nas escolas, além da troca de experiências entre os professores.

Secretário Islander Saliba: “Os grupos de estudo são de fundamental importância para a melhoria da qualidade do ensino em Juatuba.”


Secretaria de Comunicação